Monday, June 14, 2004

Cuidado com o carcaju II (veja o post I abaixo)

Em meu segundo post, prezados leitores, volto a alertar para o perigo de se defrontar com o abominável carcaju (Gulo gulo) na mata... Dessa vez, farei um serviço de grande utilidade: mostrarei como agir ao seu defrontar com essa criatura tão malígna. As dicas abaixo são do conceituado Zoológico de Columbus (EUA):

1) A primeira coisa que você tem que fazer ao se defrontar com um carcaju é fazer uma linha no chão, pra ver se o bicho fica hipnotizado. (Obs.: o método funciona com galinhas, mas nunca testaram com um carcaju faminto e pronto pra rasgar teu pescoço).

2) Outra coisa que você pode tentar é rezar pra São Crispim jogar, do céu, uma bigorna na cabeça do carcaju. (Obs.: até hoje, apenas uma pessoa tentou esse método. Era um ateu e São Crispim, puto da vida, jogou a bigorna no quengo do cara, em vez de na cabeça do carcaju)...

3) Uma terceira opção é gritar. Gritar o mais alto que você puder. Quem sabe você não atrai um urso pardo e ele entra num embate de vida e morte com o carcaju (como na cena da luta do Tiranossauro Rex com os velocirraptores em Jurassic Park). (Obs.: Como o urso pardo e o carcaju já se conhecem de longas datas, é possível que o urso esqueça do bicho e avance em você).

4) A quarta alternativa é dar uma bicuda na canela do carcaju. (Obs.: a probabilidade do carcaju pegar tua perna - e rasgá-la antes de você encostar na canela dele - é grande).

5) A quinta e melhor alternativa é você carregar uma bazuca contigo, sempre que for fazer um pique-nique no Alto da Boa Vista ou for tomar banho cachoeira do Horto. Assim, você pode explodir a cabeça do carcaju e salvar sua vida...

Por hora, é só...

1 Comments:

At 6:14 PM, Blogger Laine said...

Vitor, quem vc tá chamando de prezados leitores? não tem mais ninguém por aqui além de nós...

 

Post a Comment

<< Home


free hit counter